Sábado, 25 de Junho de 2022
28°

Poucas nuvens

Itacoatiara - AM

Polícia BRASIL

Saiba quem é a ‘Princesinha Macabra’ que foi contratada para ser cinegrafista do CV | Portal R5 Brasil

Nithiely Catarina Day Souza, de 19 anos, conhecida como “Princesinha Macabra”, foi encaminhada na última quinta-feira (03) para a Cadeia Pública da cidade de Nortelândia (253 km de Cuiabá).

07/02/2022 às 09h21
Por: Portal R5 Brasil Fonte: Portal CM7
Compartilhe:
Foto: Facebook
Foto: Facebook

Ela é acusada de participar da execução de Gediano Aparecido da Silva, 19 anos, em Lucas do Rio Verde (354 km da Capital).

Apontada como “cinegrafista” da facção Comando Vermelho (CV-MT) pela Polícia Civil, a jovem teve o mandado de prisão temporário cumprido na tarde de quarta-feira (02). A ordem judicial foi expedida pelo Juízo da 1ª Vara Criminal de Lucas.

Gediano foi morto a golpes de faca no dia 25 de janeiro. O crime chocou a população de Lucas do Rio Verde pela brutalidade, tendo em vista que a vítima teve a cabeça arrancada e sua execução filmada por Nithiely.

De acordo com a assessoria do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, a acusada foi encaminhada para a penitenciária em virtude do mandado temporário de 30 dias.

No dia em que foi presa, ela foi achada na companhia de outros dois homens e em posse de várias porções de drogas.

O crime brutal

Acusado pelo Comando Vermelho de comprar drogas de outra organização criminosa, Gediano foi sequestrado pelos bandidos e levado para uma região de mata no dia 25 de janeiro, nas proximidades do Rio Piranhas.

Polícia prende ‘princesinha macabra’, acusada de filmar e ajudar decapitar jovem. Conforme a gravação, ele foi colocado de joelhos no chão e questionado sobre a irregularidade.

Nithiely era a mulher que filmava, mas também a que ordenava a execução e decapitação do rapaz. Gediano teve a cabeça arrancada e colocada em um saco de lixo que foi jogado numa rua do bairro Veneza.

Já o restante do corpo foi jogado no rio, com as mãos e pés amarrados.

Conforme a Polícia Civil, três homens ainda estão sendo procurados pela execução, no entanto, os nomes deles ainda não foram divulgados.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias